Publico por: Pedra Branca News | Publicado terça-feira, 2 de setembro de 2014 | Marcadores , , | Comentários 0 comentários
Entre janeiro e junho deste ano, as Prefeituras de Conceição e Piancó movimentaram uma expressiva quantia financeira, mas encerraram o primeiro semestre devendo também muito, conforme base em informações do Tribunal de Contas do Estado.

A Prefeitura de Conceição, por exemplo, encerrou o semestre devendo 1 milhão e 700 mil reais aos seus fornecedores de serviços e produtos. Entre janeiro e julho, o município empenhou cerca de 14,6 milhões de reais e pagou 12,9 milhões.


Mas uma dívida ainda maior tem a Prefeitura de Piancó. Foi a que mais movimentou dinheiro na região, e a mais endividada também: o município finalizou o semestre devendo 5 milhões de reais aos seus fornecedores, principalmente.

A Prefeitura piancoense empenhou 19,9 milhões de reais entre janeiro e junho e pagou somente 14, 9 milhões do total empenhado. Esse expressivo desequilíbrio nas contas municipais pode comprometer a gestão do município. Um dos grandes problemas de Piancó é o excesso de funcionários, principalmente contratados e comissionados. 

folhadovali.com.br
Publico por: Pedra Branca News | Publicado | Marcadores , , , | Comentários 0 comentários
Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (1º) aponta que José Maranhão (PMDB) tem 30% das intenções de voto para o Senado na Paraíba.

Na sequência, Wilson Santiago (PTB) aparece com 19% das intenções de voto, e Lucélio Cartaxo (PT), 14%.

Esta é primeira pesquisa de intenção de voto feita pelo instituto sobre a eleição estadual após o registro das candidaturas.

O candidato Walter Brito (PTC) tem 2% e Professora Leila (PROS), 1%. Os demais candidatos não somaram 1% das intenções de votos. Brancos e nulos somaram 17%, e 16% não responderam.

Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada (em que a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):

José Maranhão (PMDB) - 30%
Wilson Santiago (PTB) - 19%
Lucélio Cartaxo (PT) - 14%
Walter Brito (PTC) - 2%
Professora Leila (PROS) - 1%
Nelson Júnior (PSOL) - não chegou a 1%
Rama Dantas (PSTU) - não chegou a 1%
Brancos e nulos – 17%
Não sabe ou não respondeu – 16%

Rejeição
O Ibope também pesquisou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Confira abaixo:

José Maranhão (PMDB) - 32%
Lucélio Cartaxo (PT) - 24%
Nelson Júnior (PSOL) - 22%
Rama Dantas (PSTU) - 22%
Walter Brito (PTC) - 21%
Wilson Santiago (PTB) - 18%
Professora Leila (PROS) - 17%
Poderia votar em todos – 11%
Não sabe ou não respondeu – 16%

A pesquisa foi realizada entre os dias 28 e 31 de agosto. Foram entrevistados 812 eleitores em 43 municípios do estado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) sob o número 00022/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR- 00481/2014.


G1
Publico por: Pedra Branca News | Publicado segunda-feira, 1 de setembro de 2014 | Marcadores , , | Comentários 0 comentários
O governador Ricardo Coutinho (PSB) afirmou que a saída de vários deputados estaduais de sua base política, na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), ocorreu porque ele não quis pagar um valor específico para que eles continuassem na bancada do Governo.

Em comício realizado no município de Alhandra, na última quinta-feira (28), o socialista, que é candidato à reeleição, disse que o apoio de um parlamentar na Casa de Epitácio Pessoa lhe custaria o pagamento de R$ 300 mil em gratificações mensais.

Veja o vídeo:



“Se eu quisesse, eu colocaria uma ruma de deputados ali e garantia maioria na Assembleia, que hoje eu não tenho, com as mesmas práticas que os outros tinham de maioria. Mas, eu não vou pegar dinheiro do povo, pegar o dinheiro de vocês, das mães de família, pegar R$ 300 mil e dar de gratificação para um deputado ser de minha base”, disse Ricardo Coutinho.

O último desfalque na bancada de sustenção ao Governo na ALPB foi o deputado estadual Antônio Mineral, que retornou à base política do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), adversário na disputa ao Palácio da Redenção. Em contato com a imprensa nesta segunda-feira (1º), o governador deu a entender que a saída de Mineral não fará diferença em sua base eleitoral.

“Podem ir quantos quiserem que eu vou simplesmente, como eu tenho feito, dizer que o grande juiz disso será o povo no dia 5 de outubro. Para mim pouco interessa se eu tenho 8, 10 , 12 ou 36 deputados. O que interessa é o que eu estou fazendo pela Paraíba, moralizando a política e acreditando na necessidade da política ser o grande instrumento de transformação da sociedade. Você não pode ter a política para acomodar grupos políticos ou interesses pessoais”, disse o governador.

“Balcão de negócios”

O governador Ricardo Coutinho ainda afirmou que a política “está mais promíscua” e que a transformaram “em um verdadeiro balcão de negócios”. “Eu não participo disso. Eu não faço o Estado participar disso”, disse.

O governador disse ainda que se quisesse, teria a maioria dos deputados estaduais na Assembleia Legislativa da Paraíba. “Toda a Paraíba sabe que se eu quisesse, hoje, eu mandava fazer uma fila e teria maioria dentro da Assembleia, mas com métodos que não seriam republicanos. Não seriam métodos da minha história, da minha vida e da minha consciência. Portanto, não me interessa isso. Se alguém foi, então foi e será julgado”.

Ângelo Medeiros
Publico por: Pedra Branca News | Publicado | Marcadores , , , , | Comentários 0 comentários
Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (1º) aponta Cássio Cunha Lima (PSDB) com 47% das intenções de voto para o governo da Paraíba, seguido de Ricardo Coutinho (PSB), com 33%, Vital do Rêgo (PMDB), com 4%, e Major Fábio (PROS), com 1%.

Esta é primeira pesquisa de intenção de voto feita pelo instituto sobre a eleição estadual após o registro das candidaturas.

A pesquisa foi contratada pelas TVs Cabo Branco e Paraíba.

Os candidatos Tárcio Teixeira (PSOL) e Antonio Radical (PSTU) não chegaram a 1% dos votos. Brancos e nulos somaram 8%, e 6% não responderam.

Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada (em que a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):

Cássio Cunha Lima (PSDB) – 47% das intenções de voto
Ricardo Coutinho (PSB) – 33%
Vital do Rêgo (PMDB) – 4%
Major Fábio (PROS) – 1%
Tárcio Teixeira (PSOL) – não chegou a 1%
Antonio Radical (PSTU) – não chegou a 1%
Brancos e nulos – 8%
Não sabe ou não respondeu – 6%

Rejeição
O Ibope também pesquisou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Confira abaixo:

Ricardo Coutinho (PSB) – 33%
Cássio Cunha Lima (PSDB) – 23%
Vital do Rêgo (PMDB) – 22%
Major Fábio (PROS) – 21%
Tárcio Teixeira (PSOL) – 21%
Antonio Radical (PSTU) – 18%
Poderia votar em todos – 8%
Não sabe ou não respondeu – 11%

A pesquisa foi realizada entre os dias 28 e 31 de agosto. Foram entrevistados 812 eleitores em 43 municípios do estado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) sob o número 00022/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR- 00481/2014.

G1
Publico por: Pedra Branca News | Publicado | Marcadores , , | Comentários 0 comentários
O Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), em parceria com a TV Cabo Branco, divulgará na noite desta segunda-feira (01) sua primeira pesquisa sobre a corrida eleitoral para presidente da república e Governo de Paraíba.

O nível de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima estimada considerando um modelo de amostragem aleatório simples, é de 3 (três) pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. 

Na pesquisa, os entrevistados optaram entre os candidatos Antônio Radical, Cássio Cunha Lima, Major Fábio, Ricardo Coutinho, Tárcio e Vital.

Além de governador, a pesquisa vai revelar a preferência dos paraibanos para os cargos de presidente e senador.

Assessoria
Publico por: Pedra Branca News | Publicado | Marcadores , , , , | Comentários 0 comentários
O presidente do PSB na Paraíba, Edvaldo Rosas, confirmou na manhã desta segunda-feira (1º) a realização de uma reunião da Coordenação de campanha de Marina na região Nordeste, a ser realizada em João Pessoa, bem como uma agenda da presidenciável junto com o governador Ricardo Coutinho em Campina Grande e na capital paraibana.

De acordo com Rosas, a reunião da Coordenação Nordeste será realizada ainda no decorrer desta semana.

A visita de Marina será agendada para a segunda semana de setembro, devendo coincidir com a agenda da campanha de Ricardo nas duas maiores cidades da Paraíba. 

A última vez que esteve na Paraíba, no dia 9 de agosto deste ano, Marina estava acompanhada de Eduardo Campos e conheceu o condomínio Cidade Madura, em João Pessoa.

Para Rosas, a vinda de Marina é esperada por todos os que fazem o PSB na Paraíba, devendo a candidata também gravar para o guia eleitoral e participar dos eventos de campanha de rua.

Portal Correio

Publico por: Pedra Branca News | Publicado | Marcadores , , , | Comentários 0 comentários
A oposição voltou a ser maioria na Câmara de Piancó. Uma rebelião na base do prefeito possibilitou essa reviravolta política.

Isso ficou evidenciado na sessão da última sexta-feira, quando o prefeito sofreu sua primeira derrota nos últimos oito meses.

A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), proposta pela Prefeitura, foi derrotada por seis votos a cinco, o que compromete, inclusive, o orçamento municipal para o próximo ano que é elaborado com base na LDO e deve complicar a gestão em 2015.

Além disso, os vereadores aprovaram a convocação do chefe do setor de licitação para responder a denúncias de irregularidades e o prefeito também foi convocado.

O problema político do prefeito na Câmara é grave. Enquanto Antônio de Pádua refez as pazes com o prefeito Sales Lima, outros vereadores continuam rebelados: Guilherme Motenegro e Dr. Rato, além de Neném de Fandinga, que assumiu no lugar de Pedro Aureliano e também está na oposição.

A maioria dos vereadores também não está acompanhando politicamente o prefeito. Sete parlamentares mirins estão votando em Cássio Cunha Lima, que é apoiado pela ex-prefeita Flávia Galdino.

Folha do Vale